conceiçao-pires

Maria da Conceição Leite Pires nasceu no lugar do Casal, Sendim, concelho de Felgueiras.
Licenciada em Arqueologia pela FLUP, tem mestrado em Arqueologia na mesma instituição. É Técnica Superior no Gabinete Municipal de Arqueologia e História da Câmara Municipal de Matosinhos.
No âmbito dessas funções tem desenvolvido trabalhos de prospecção e estudo arqueológico no concelho de Matosinhos, onde se destacam: Levantamento e estudo das pontes sobre o rio Leça, no concelho de Matosinhos (2007); Intervenção arqueológica na orla costeira do Concelho de Matosinhos (2007); Realização do levantamento patrimonial e cultural do concelho de Matosinhos (2007); Co-responsável dos trabalhos arqueológicos - Passadiço da Orla Costeira entre o Cabo do Mundo e Angeira (2008); Co-responsável dos trabalhos arqueológicos Castro de Guifões (Monte Castêlo) Conservação e Valorização do Castro de Guifões, Matosinhos 2009/2010 e 2016.
Em 2016 conclui a elaboração da Carta Arqueológica de Matosinhos.
Para além do trabalho desenvolvido no concelho de Matosinhos, participou em dezenas de prospecções arqueológicas nos concelhos de Boticas, Vila de Conde, Caminha, Vila Praia de Âncora, Murça, Freixo de Espada à Cinta, Fafe, Lousada, Cabeceiras de Basto e Castelo de Paiva.
Desde o ano 2000 tem ministrou palestras e conferências sobre Estudos Arqueológicos, nos concelhos de MATOSINHOS E Maia.
Integrou a Comissão Executiva da Exposição - O Rio da Memoria, Arqueologia no Território do Leça. Que decorreu entre 2009 e 2010 na Galeria Nave dos Paços do Concelho de Matosinhos, org. pela C. M. de Matosinhos.
Entre 2012 e 2015 deu aulas sobre o Património do Concelho de Matosinhos na Universidade Sénior Florbela Espanca.
Pertence à Comissão de Património do Concelho de Matosinhos e à Comissão de Toponímia (como membro suplente)
Integra o NEIMA - Núcleo de Estudos Interdisciplinares de Matosinhos.

OBRA PUBLICADA
Joaquim Neves dos Santos - O Amor pelo Passado, edium editores, 2006; As Lendas do Romano Cayo Carpo e do Senhor de Matesinus (ilust. Catarina Fernandes), edium editores 2010, 2.ª ed. Seda Publicações 2014); Lendas das Mouras do Castro de Guifões, (ilust. António Mendes), Seda Publicações 2017; Matosinhos do Paleolíotico ao século X, 2018, Seda Publicações; Alminhas de Matosinhos - Pequenos Templos e Grandes Devoções, 2023, Seda Publicações.

como co-autora:

15 Tesouros de Matosinhos - 500 anos do Foral de Matosinhos,  ed. da C.M. Matosinhos.

Autora do prefácio do livro A igreja do Bom Jesus de Matosinhos - lendas, a tradição e a realidade, de Liliana Silva, ed. C.M. Matosinhos.